Sociedade de Medicina faz alerta sobre os riscos da hipertensão arterial

23 maio, 2022 | Notícias

Em um vídeo bem didático, médica explica as principais informações sobre a doença, que atinge 30% da população com mais de 18 anos

A hipertensão arterial é uma doença silenciosa e o fator de risco mais importante para as doenças cardiovasculares. Por ser assintomática na maioria dos casos, é muito importante fazer aferições regulares para que o tratamento ocorra de forma precoce. Embora atinja 30% da população acima de 18 anos e quase 70% dos idosos acima de 60 anos, ainda há muitas dúvidas em relação a ela. Para conscientizar a população sobre o tema, a SMCC (Sociedade de Medicina e Cirurgia de Campinas) fez um vídeo com as principais informações sobre a doença.

Gravado pela coordenadora do Departamento Científico de Cardiologia, Dra. Carla Patrícia da Silva e Prado, o vídeo fala sobre incidência, diagnóstico, prevenção, fatores de riscos e tratamentos. Você pode conferir neste link: DICAS DE SAÚDE SMCC

Ou assista abaixo:

 

O que é hipertensão arterial?

Hipertensão arterial é a medida da pressão elevada. Nós temos duas medidas. A pressão arterial sistólica, conhecida como a pressão arterial máxima, e a pressão arterial diastólica, conhecida como pressão arterial mínima.

A máxima é aquela da contração do músculo cardíaco, e a mínima é a do relaxamento. A pressão ideal é até 12 x 8, mas valores até 14 x 9 podem ser considerados normais. A hipertensão é diagnosticada quando a medida da pressão arterial está elevada em mais de uma ocasião. Para isso, precisa ser aferida (medida) com equipamento apropriado e calibrado e por equipe treinada (profissionais da área de saúde, da área de enfermagem, agentes de saúde e médicos).

Por que ela é grave?

A hipertensão arterial é o fator de risco mais importante para as doenças cardiovasculares. E, na maioria das vezes, é assintomática. “Então nós precisamos regularmente medir os seus valores para saber se ela está normal ou alterada”, explica a cardiologista. Os níveis sustentados, ou seja, mantidos, da pressão arterial elevada provocam danos em órgãos e sistemas do nosso corpo. “Os principais são coração, cérebro, rins, vasos que irrigam a retina e os vasos periféricos”’, comenta.

Qual a incidência da hipertensão arterial?

Acima de 18 anos, 30% da população possui hipertensão arterial. E ela aumenta na faixa etária mais avançada. “Acima de 60 anos, a cada 10 idosos, 6 ou 7 são hipertensos. E 50% desses, não sabem que são hipertensos. E o pior: dos que sabem que têm pressão arterial elevada, apenas metade está controlada”, alerta Dra. Carla.

Quais as causas da hipertensão?

As causas da hipertensão são multifatoriais. “A genética é importante. Filhos de hipertenso têm maior probabilidade de se tornarem hipertensos”, explica a médica. A idade é outro fator. “Com envelhecimento, as artérias ficam mais rígidas, mais duras, e aumenta a tensão dentro delas”, diz. Um outro fator que devemos prestar atenção é o peso. “A obesidade é um fator de risco para a hipertensão arterial. Mantermos um peso saudável é muito importante. Outras doenças e alguns medicamentos também podem causar hipertensão. Precisamos avaliar caso a caso”, ressalta.

É possível prevenir a hipertensão arterial?

“Em alguns casos, a hipertensão pode ser prevenida, adotando hábitos de vida saudáveis, como a prática regular de atividade física, uma alimentação saudável, que incluir a baixa ingesta de sal, de alimentos processados e ultraprocessados e baixa quantidade de gordura saturada. Abandonar o hábito do fumo, do cigarro. E consumir bebidas alcoólicas moderadamente”, orienta a cardiologista.

Como tratar a hipertensão arterial?

O tratamento da hipertensão arterial contempla dois pilares: adoção de hábitos de vida saudáveis e o tratamento medicamentoso, em alguns casos. “O tratamento medicamentoso requer uma avaliação médica, que vai escolher o melhor tratamento para você, mas nunca abandonando as medidas de hábitos de vida saudáveis. Não adianta só tomar remédio”, finaliza.

Notícias Recentes

SMCC promove evento sobre assédio no ambiente de saúde

SMCC promove evento sobre assédio no ambiente de saúde

Encontro será no dia 20 de junho para profissionais da área de saúde A Sociedade de Medicina e Cirurgia de Campinas (SMCC) realizará no próximo dia 20 de junho, das 19h às 21h, um evento importante para profissionais de saúde: "Assédio no ambiente de saúde: como...