Programa 4YHealth – autocuidado médico inicia sua primeira turma

28 ago, 2023 | Notícias

Primeiro encontro, presencial, aconteceu nesse domingo na sede social; encontros semanais on-line começam na próxima quinta-feira, 31/8 às 20h

 A SMCC deu início ao programa 4YHealth – Autocuidado Médico, com um encontro presencial, neste domingo (27), na sede social. Médicos associados e convidados inscritos previamente participaram de uma série de ações, com o objetivo de avaliar sua saúde no início da jornada, que vai até o dia 22 de outubro, quando se encerrará com outro encontro presencial. Até lá, os participantes participarão de seis reuniões on-line, sempre às quintas-feiras, com profissionais que vão abordar os quatro pilares do programa: alimentação saudável, exercícios físicos e repouso regulares, relacionamentos saudáveis e espiritualidade.

“O 4YHealth surgiu quando começamos a observar a qualidade de vida que muitos médicos têm levado. A gente percebe que muitos colegas estão muito aquém da qualidade de vida ideal. A vida do médico é muito corrida, muita dedicação ao paciente e, muitas vezes, o colega esquece de cuidar de si próprio”, explica o idealizador do programa, Dr. Marco Aurélio Bussacarini. “A gente não espera ensinar saúde para o médico, mas quer incentivá-lo a colocar em prática ações inteligentes, ações saudáveis, escolhas saudáveis”, complementa.

A médica homeopata Dra. Renata Maria Razera Capela é uma das participantes da primeira turma do programa e espera conseguir mudar alguns hábitos. “Eu quero aprender a ter mais tempo para me cuidar e para poder cuidar dos outros. A gente (médico) não para. Sempre atende todo mundo e não para. Eu espero conseguir colocar na minha rotina o cuidado próprio”, comenta.

A fisioterapeuta intensiva neopediátrica Katia Regina Calabrezi Malek estava há algum tempo querendo mudar seus hábitos e, com o apoio do marido, o cirurgião Dr. Jayme Malek, decidiu entrar no programa para colocar esse objetivo em prática. “Essa semana eu fiz aniversário e falei que ia mudar a chave no meu aniversário de 51 anos. Eu estou acima do peso, eu tive um pai cardíaco que faleceu, minha mãe teve um AVC agora, então eu falei: eu vou mudar a vida. Estou pré-menopausa, estou percebendo que estou inflamada, estou precisando me cuidar. E ele (marido) falou assim: então vou te dar um “presente”. Vou te levar em um projeto (4YHealth), e eu adorei. Eu estabeleci a meta de começar amanhã, mudar o estilo de alimentação, esporte, vida mesmo”, conta.

Durante o encontro presencial, os participantes passaram por diversas etapas: recepção, coleta de exames básicos, café da manhã, anamnese, verificação de medidas antropométricas e sinais vitais, eletrocardiograma, performance física e apresentação de um vídeo sobre o programa.

A coordenadora do Departamento Científico de Cardiologia, Dra Carla Patrícia da Silva e Prado, responsável pelo eletrocardiograma e pela sala de verificação de medidas antropométricas e sinais vitais, assessorada pelos acadêmicos do curso de medicina da Faculdade São Leopoldo Mandic, explicou que o objetivo da área cardiovascular é calcular o risco de score global. “É a chance que aquela pessoa que está sendo avaliada tem, em 10 anos, de morrer do coração, ter um infarto, uma angina, um acidente vascular cerebral ou insuficiência cardíaca. Com base nesse risco, podemos orientar algumas medidas específicas para que esse risco fique menor do que o calculado agora”, afirma.

A gestora do programa, Alessandra Roscani explica que o 4YHealth foi estruturado em trabalhos e evidências científicas. “É um projeto muito importante porque está cuidando de quem cuida. E cuidar de quem cuida é um grande desafio, principalmente dentro da rotina de trabalho que a maioria destes profissionais tem no seu dia a dia. Desenvolver uma rotina observando os 4 pilares do programa, é uma estratégia para estabelecer um contexto de melhoria contínua que considera o ser humano saudável, não só fisicamente, mas também emocionalmente e espiritualmente.” diz.

Se ligue, autocuidado é uma atitude de amor.

Os inscritos que não puderam comparecer no primeiro encontro podem participar normalmente dos demais encontros.

Para saber mais, acesse o site do programa: www.4yhealth.com.br

As próximas turmas já estão com inscrições abertas.

Os inscritos que não puderam comparecer no primeiro encontro podem participar normalmente dos demais encontros.

 

Notícias Recentes

SMCC alerta para riscos da chikungunya chegar a Campinas

SMCC alerta para riscos da chikungunya chegar a Campinas

SMCC alerta para riscos da chikungunya chegar a Campinas Enquanto a atenção pública está focada na batalha contra a dengue, que se tornou um sério problema de saúde, a Sociedade de Medicina e Cirurgia de Campinas (SMCC), atenta ao atual cenário, está emitindo um...

Share This