Página Inicial 9 Notícias 9 INSTITUTO SER É A ENTIDADE HOMENAGEADA NO PRÊMIO PAES LEME 2018

INSTITUTO SER É A ENTIDADE HOMENAGEADA NO PRÊMIO PAES LEME 2018


O Prêmio Paes Leme será entregue neste ano oficialmente em junho para uma entidade e dois médicos com reconhecidos trabalhos prestados à população no último ano.

O Prêmio que existe há 18 anos, tem o nome Paes Leme em homenagem ao primeiro presidente da SMCC, o médico Francisco Betim Paes Leme, que dirigiu a entidade entre 1925 e 1926.

Nesta edição, o Prêmio será entregue para os médicos Dr. Roberto Silveira Pinto de Moura, psicanalista pioneiro do Departamento de Psicologia Médica da Faculdade de Ciênicas Médicas (UNICAMP) e Dr. Rubens Marcondes Pereira, que fundou o Serviço de Radiologia também da FCM, em 1968.

A entidade escolhida foi o Instituto SER. Fundado há quase 30 anos o grupo desenvolve de forma integral crianças, adolescentes e adultos com diagnóstico de TEA – o Transtorno do Espectro Autista (TEA).

A Clínica-Escola ajuda o paciente e a família desde os primeiros dias após a confirmação do diagnóstico até inserção no ensino e mercado de trabalho. Hoje são cerca de 90 crianças, adolescentes e adultos atendidos. A grade socioeducativa tem equipe “transdisciplinar” com ações ara desenvolver aspectos cognitivos, afetivos, social e psicomotor. Além de atividades como robótica, teatro, música, dança e natação.

A entidade tem como diretora a terapeuta ocupacional, Claudia Dubard. “O espectro autista é visto como um transtorno desde em crianças muito comprometidas até adultos que podem estar trabalhando em empresas. Nosso trabalho é olhar esta pessoa que pode e deve pertencer aos grupos. Seguir sua vida normal de acordo com o próprio desenvolvimento e limitações”.

Claudia explica que o atendimento acaba sendo extensivo a família por que o diagnóstico afeta os desejos, os sonhos e projeções dos pais e parentes próximos da criança, por exemplo. “É preciso traçar outros objetivos e metas, para estas pessoas serem felizes”.

A notícia da premiação foi recebida com emoção por Claudia. “É muito gratificante por que é um trabalho de muitos anos de atender muitas pessoas com autismo e as comunidades. Não imaginávamos!”.

A presidente da SMCC, Dra. Fátima Bastos, fez oficialmente o anúncio do Prêmio Paes Leme durante um evento realizado pelo Instituto na Sociedade de Medicina. “É de entidades como estas que precisamos em nossa sociedade. Parabéns aos profissionais por tantos anos de dedicação”. 

Os Sinais do Transtorno TEA

O Instituto vê como uma questão de urgência de identificação dos sinais de TEA. Por isso divulga orientações para o diagnóstico. Depois faz atendimentos para melhorar o prognóstico e a qualidade de vida tanto de adultos quanto de crianças com o transtorno.

Pesquisas apontam que cerca de 70 milhões de pessoas com TEA existem em todo o mundo e que uma em cada 68 crianças está dentro do Transtorno do Espectro Autista. O cenário mostra o quanto é necessário ocorrer uma intervenção capaz de incluí-los de forma efetiva e eficiente em todos os âmbitos sociais.

A entidade separou os cinco sinais preoces para o diagnóstico. Um alerta para os pais que devem ser observados nos filhos ainda bebês. São eles: Desconforto com o toque; falta de contato visual; Reação ao som da voz e paladar alterado.

Para conhecer mais a Entidade homenageada desde ano, confira no site do Instituto 

Anúncios

Notícias Recentes

Matrículas para cursos de idiomas vão até 28 de janeiro

Matrículas para cursos de idiomas vão até 28 de janeiro

Estão disponíveis aulas de inglês, italiano e espanhol, do básico ao avançado A SMCC prorrogou as inscrições para os cursos de idiomas do primeiro semestre de 2022 para o dia 28 de janeiro. Associados, dependentes e não associados poderão fazer cursos de inglês,...