Página Inicial 9 Notícias 9 FALECEU EM CAMPINAS DR. RICARDO BAROUDI; REFERÊNCIA NA CIRURGIA PLÁSTICA MUNDIAL

FALECEU EM CAMPINAS DR. RICARDO BAROUDI; REFERÊNCIA NA CIRURGIA PLÁSTICA MUNDIAL


Dr. Ricardo Baroudi era conhecido pela ética e empenho com que  trabalhava tanto nas salas de cirurgia quanto nas aulas que ministrava, é uma referência importante na área da cirurgia plástica não só no Brasil como no mundo. Dr Baroudi morreu neste domingo em Campinas onde morava. O velório acontece hoje, 30/04, até às 19h, na Capela do Cemitério Flamboyant.

Por duas vezes Presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), Dr. Baroudi criou o serviço de Cirurgia Plástica da Universidade de Campinas em 1969, onde também fez sua tese de doutorado. Considerado um dos patronos da cirurgia plástica explorou na academia seus conhecimentos, sendo professor e orientador de trabalhos científicos junto aos residentes.

Formou-se pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo em 1957. Durante a vida acadêmica e, mesmo após formado tinha inúmeros admiradores nas conhecidas aulas de embriologia. Grande desenhista tornou as explanações simples e de fácil entendimento. Segundo contam os amigos e alunos suas aulas tinham enorme frequência de estudantes que se preparavam para vestibular, alunos da faculdade e ainda professores que procuravam aprimorar técnicas pedagógicas.

No currículo, mais de 140 publicações em revistas nacionais e estrangeiras. Escreveu 12 capítulos em livros nacionais e estrangeiros e publicou um livro pontual sobre cirurgia do contorno corporal divulgando técnicas pessoais, manobras táticas que facilitam abordagem cirúrgica e cuidados com os pacientes.

Dr. Baroudi no associativismo segundo a SBCP

No site da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica as homenagens publicadas contam a trajetória do médico no associativismo. O texto segue contando a trajetória junto a entidade. O cirurgião foi secretário e presidente da SBCP dirigindo e presidindo diversos eventos. O mais importante foi o Congresso Mundial realizado no Rio de Janeiro.

“Sem dúvida, seu maior feito foi assegurar a unidade da SBCP num período de grande turbulência quando grupos queriam se separar e criar outra Sociedade. Político hábil e com larga visão soube fazer concessões sem transgredir qualquer norma ética ou moral e assim manter a SBCP unificada. Na SBCP entre suas grandes contribuições esta a Revista da SBCP. A partir de 2008 tornou-se editor da revista e com trabalho árduo conseguiu elevá-la de Lilac B para Scielo graças ao aumento do número de publicações, sem alargar as malhas da peneira, mas, estimulando a divulgação dos conhecimentos. Muitos tinham dificuldades na redação e encontraram no Dr. Ricardo Baroudi o esteio para elaboração dos seus trabalhos científicos. Com efeito, este respaldo aumentou, significativamente, a qualidade da revista que passou a ser publicada em inglês. Infelizmente, por autodeterminação, em 2015 deixou o cargo, mas, com justiça o Conselho Deliberativo concedeu-lhe o título de Patrono da Revista”*


*trecho retirado do site da SBCP.

Anúncios

Notícias Recentes