Além da superlotação nas unidades, Campinas enfrenta falta de pediatras

22 maio, 2022 | Imprensa e Clipping

A superlotação nas unidades pediátricas em Campinas atinge a rede pública e a fila de crianças à espera de um leito de enfermaria por causa do vírus sincicial e outras doenças respiratórias é diária.

Além da sazonalidade no período de outono e inverno, ainda existe outro problema para o atendimento das crianças. Faltam profissionais de pediatria, que às vezes precisam dobrar os plantões para dar conta do trabalho, segundo Tania Quintella, membro do Departamento de Pediatria da Sociedade de Medicina e Cirurgia de Campinas. “O número de formandos que opta pela pediatria vem diminuindo ao longo dos anos. Alguns precisaram fazer mais de 36 horas de plantão e ficavam exaustos”, diz.

Leia mais em: https://portalcbncampinas.com.br/2022/05/alem-da-superlotacao-nas-unidades-campinas-enfrenta-falta-de-pediatras/

Notícias Recentes

SMCC promove evento sobre assédio no ambiente de saúde

SMCC promove evento sobre assédio no ambiente de saúde

Encontro será no dia 20 de junho para profissionais da área de saúde A Sociedade de Medicina e Cirurgia de Campinas (SMCC) realizará no próximo dia 20 de junho, das 19h às 21h, um evento importante para profissionais de saúde: "Assédio no ambiente de saúde: como...